Rádio Líder FM Online de Acopiara

terça-feira, 12 de abril de 2016

Tá tudo dominado!


Uma quadrilha formada por 10 a 15 homens fortemente armados invadiu a cidade de Independência, a 310 quilômetros de Fortaleza, no fim da tarde de ontem, e atacou duas agências bancárias de maneira simultânea. Os criminosos fizeram reféns na modalidade de assalto chamada pela Polícia de ´Novo Cangaço´. 

Moradores ficaram assustados com a ação. Os clientes foram feitos de reféns pelos criminosos, enquanto os bandidos tentavam retirar o dinheiro que estava nos caixas e cofres das duas agências bancárias. A ação criminosa durou cerca de 30 minutos. Não foi informado a quantia levada pela quadrilha. 

De acordo com a Polícia, os criminosos atacaram primeiro a agência do Bradesco e em seguida partiram para a unidade do Banco do Brasil. Patrulhas da Polícia Militar dos municípios vizinhos como Crateús e Tauá, assim como equipes do Comando Tático Rural (Cotar) e do Batalhão de Divisas foram deslocadas para a cidade. 

Inspetores da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF), da Polícia Civil, iniciaram a investigação para identificar o bando. Na fuga, o grupo ateou fogo a veículos na estrada, com o objetivo de dificultar a aproximação da Polícia. 

Somando as duas ações de ontem, o Estado do Ceará já registra 13 ataques a instituições financeiras em 2016, em 12 municípios diferentes, conforme cruzamento de dados obtidos no site do Sindicato dos Bancários do Estado do Ceará e na Delegacia de Roubos e Furtos. Somente no mês de abril, já foram quatro ataques registrados em três cidades do Interior.

Eita Brasil de "Muro Baixo"


O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes disse nessa segunda-feira (11) que a ação de cassação da chapa da presidenta Dilma Roussef e seu vice Michel Temer não será seu primeiro trabalho à frente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e pode ficar para o segundo semestre deste ano ou para o ano que vem. 

O ministro fez a declaração pouco antes de participar de uma aula pública, na capital paulista, promovida pelo Instituto de Direito Público de São Paulo. Gilmar foi eleito na última quinta-feira (7) para a presidência do TSE e vai substituir o atual presidente, Dias Toffoli, a partir de maio. O ministro alegou que há “um trabalho imenso hoje com as eleições. Nós temos que realizar as eleições em outubro. Temos todo um calendário”. 

“Esse trabalho [ação de impugnação], infelizmente, no que diz respeito à instrução probatória, está ainda em uma fase incipiente, uma fase inicial, talvez se consiga [julgar] no segundo semestre, talvez se consiga no ano que vem. Como nós consumimos muito tempo discutindo a admissibilidade da ação, ela ainda está numa fase inicial. Portanto, não temos condições de julgar de imediato”, disse Mendes. 

A data de julgamento de mérito da ação tem importância, já que, se houver cassação do mandato, é o período que vai definir se as próximas eleições ocorrerão de forma direta ou indireta. 

Se houver cassação da chapa da presidente e de seu vice até dezembro de 2016, a Constituição Federal determina que aconteçam eleições diretas em 90 dias, contados a partir do dia em que o último cargo ficar vago. Durante esse período, a Presidência seria ocupada, sucessivamente, pelo Presidente da Câmara dos Deputados, o Presidente do Senado Federal e o Presidente do Supremo Tribunal Federal.

Eita que é bandido demais, me acuda mamãe!


A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (12) a 28ª fase da Operação Lava Jato, que tem como alvos o ex-senador do Distrito Federal Gim Argello (PTB) e a construtora OAS. 

O ex-parlamentar foi preso preventivamente. A PF cumpre ainda dois mandados de prisão temporária, que têm como alvo dois assessores de Argello, e quatro mandados de condução coercitiva (condução compulsória por agentes policiais). 

Os policiais federais cumprem ainda 14 mandados de busca e apreensão –entre eles, em um escritório da OAS, em São Paulo. Além de São Paulo, as medidas estão sendo cumpridas no Rio de Janeiro, em Taguatinga e em Brasília.

Homem mata sua companheira e pratica o suicídio no Ceará


Um homem matou sua ex-companheira a golpes de faca na madrugada desta terça-feira no município de Mauriti e praticou o suicídio por meio de enforcamento. O crime aconteceu no bairro Verdes Vales onde o casal morava com dois filhos apesar da separação. Após esfaquear Juscivane dos Santos Praca, de 27 anos, o vendedor de pães Roberto da Costa Alves, de 41 anos, apanhou uma corda e se enforcou. 

Quando um dos filhos acordou hoje cedo se deparou com a cena dantesca dentro de casa e comunicou o fato ao vizinho que foi no imóvel. Logo depois, se dirigiu ao Destacamento Militar de Mauriti e comunicou o fato à polícia que se deslocou até o bairro Verdes Vales por volta das 6 horas. Desde janeiro, Roberto respondia processo por execução de alimentos por conta de filhos, provavelmente de um relacionamento anterior.

Didi perde processo e pode ter de pagar R$ 1 milhão a atriz

Renato Aragão perdeu na segunda instância um processo movido pela atriz Fernanda Brasil, que interpretou a protagonista do filme ´A Filha dos Trapalhões´, lançado em 1984 pela Renato Aragão Produções Artísticas. 

De acordo com o colunista Leo Dias, Fernanda, que hoje tem 36 anos, pode indenização sobre os direitos de imagem, já que o longa foi relançado diversas vezes. 

Ainda no processo estão envolvidas a Europa Filmes, a TV Globo e a Infoglobo. 

Com essa vitória, Fernanda ganhou uma indenização de R$ 20 mil por danos morais, que ainda será corrigido com juros e correção desde a data da última sentença, em agosto de 2014. 

Já o valor dos danos materiais será calculado por um perito judicial, no entanto, estima-se que passe de R$ 1 milhão. 

"Decidi entrar na Justiça no dia em que um amigo me deu um DVD deste filme de presente e disse a seguinte frase: ´Você deve estar rica, hein´. Aí, eu cheguei à conclusão de que não poderia mais ficar parada", disse Fernanda Brasil ao colunista. Renato Aragão não foi encontrado para comentar o caso.