Rádio Líder FM Online de Acopiara

sexta-feira, 7 de outubro de 2016

Vaquejada está proibida em todo o território nacional


A Lei que regulamentava a vaquejada no Ceará foi considerada inconstitucional pelo Supremo Tribunal Federal (STF), em julgamento na tarde de ontem. A partir de agora a atividade está proibida e quem promover ou participar desses eventos incorre em crime por maus-tratos aos bovinos e equinos. A decisão foi comemorada por militantes que atuam em defesa dos animais e lamentada por organizadores dos torneios.

"A vaquejada está proibida e vale para todo o Brasil. Se alegria matasse, teria morrido", disse a presidente da União Internacional Protetora dos Animais (Uipa), Geuza Leitão. "Foi uma grande vitória, apertada. Passei a tarde acompanhando, ansiosa". Para Geuza Leitão, o julgamento do STF foi o coroamento de uma luta de 20 anos. "Essa Lei que regulamentava a vaquejada no Ceará possibilitou o ingresso da Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI). Sem ela não havia essa possibilidade", disse.

No entendimento de Geuza, o julgamento do STF proíbe a prática de vaquejada em todo o Brasil. "Tem efeito contra todas as leis existentes que regulamentam a atividade, que agora estão fora do ordenamento jurídico, e é de caráter vinculante. Quem promover vaquejada a partir de agora cometerá crime ou estará na clandestinidade", frisou.

Após 31 dias, bancários do CE encerram greve no país

Após 31 dias de paralisação, a greve dos bancários chegou ao fim no estado do Ceará. A definição foi estabelecida em assembleia realizada pela categoria na sede do Sindicato dos Bancários do Estado do Ceará (Seeb-CE), em Fortaleza na noite de ontem. A partir de hoje, as agências dos bancos públicos e privados estarão funcionando normalmente, segundo o Seeb-CE. 

Em reunião com o Comando Nacional dos Bancários na noite da quarta-feira (5), a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) propôs um reajuste nominal de 8% nos salários e abono de R$ 3,5 mil. Trabalhadores do Banco do Brasil, da Caixa Econômica Federal e do Banco do Nordeste também receberam propostas específicas. Após quarta-feira, o Comando Nacional recomendou que a categoria, em assembleias locais realizadas ontem, aceitasse a proposta e decretasse o fim da paralisação. 

Na assembleia realizada ontem em Fortaleza, os trabalhadores Caixa Econômica Federal foram os últimos a se decidir. A aceitação das propostas e o fim da greve veio da contabilização de cada um dos votos dos bancários presentes. Foram 161pelo encerramento da paralisação e 122 contra.