Rádio Líder FM Online de Acopiara

sábado, 12 de novembro de 2016

Cadê meu emprego?

Eleitores que acreditaram nas promessas de emprego, estão com as mãos na cabeça depois das eleições em Acopiara. 

O prefeito eleito Antonio Almeida Neto, prometeu muitos empregos e logo depois das eleições não consegue olhar seu povo de frente. 

O momento é crítico, pois aqueles que tiveram promessa de emprego já estão procurando o mesmo para saberem onde vão trabalhar e a resposta é que só depois de janeiro. 

Aquelas pessoas que acreditaram nas promessas já estão desconfiando que o emprego não sairá e que a situação dos mesmos ficará muito crítica. 

Agora é esperar, mesmo sabendo que essa promessa será difícil de ser cumprida.

Dono da Pague Menos e o vice-prefeito de Caucaia podem ser presos

O Supremo Tribunal Federal (STF) confirmou, na sexta-feira (11), a decisão que valida a prisão de condenados em segunda instância na Justiça, entre eles, Francisco Deusmar de Queirós, sócio da Pague Menos, e Paulo Guerra, vice-prefeito de Caucaia. 

A decisão deve provocar a prisão de um dos sócios do empresário Francisco Deusmar de Queirós, é um dos sócios da Pague Menos, condenado à prisão em segunda instância, no Tribunal Regional Federal da 5ª Região. 

Já Paulo Guerra, vice-prefeito de Caucaia e coronel da reserva da Aeronáutica, foi condenado a 12 anos de prisão pelo homicídio do próprio genro, o americano Harry Michael Frock. Confira aqui a decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) que confirmou a sentença do Tribunal de Justiça do Ceará.

Só Deus livrará o Ceará de um colapso no abastecimento de água

O Governador Camilo Santana deu declarações nessa semana sobre o iminente colapso no abastecimento de água em Fortaleza e na Região Metropolitana, acusando o Governo Federal de não “olhar” para a situação de calamidade pública da região Nordeste e principalmente do Ceará, que enfrenta o quinto ano de seca. 

Com os reservatórios abaixo de 10% de sua capacidade e o Castanhão tendo que receber água do Orós para não secar, o Governo prevê que a água existente nos reservatórios só durarão até março do próximo ano, caso não chova no Ceará. Camilo afirmou que não será responsabilizado pelo colapso e sim o Governo Federal que paralisou as obras da Transposição do Rio São Francisco. 

Em audiência na sexta-feira, na Assembléia Legislativa, o representante do Ministério da Integração Nacional, Jonathan Assunção, disse que o cronograma não poderá ser alterado. Portanto, se não houver contestações, a licitação que será aberta em dezembro deverá contratar nova empresa em fevereiro e entregar as obras seis meses depois. Isto é, a águas do velho chico só chegarão ao Ceará entre o segundo semestre de 2017 e inicio de 2018. Até lá, o jeito é rezar para que São José mande chuvas para aplacar a sede do sertão.

Prefeita eleita de Icó (CE) busca orientações para melhorar atendimento prioritário na cidade

As melhorias em áreas como a Saúde e a Educação, a geração de empregos, principalmente neste momento de instabilidade financeira e a crise hídrica que castiga a Região Nordeste foram listadas como prioridades nas ações da gestão da prefeita eleita de Icó, no Ceará, Laís Nunes. 

A gestora participa do Seminário Novos Gestores e pretende buscar mais orientações com a Confederação Nacional de Municípios (CNM) para melhorar o atendimento à população em serviços essenciais. A gestora entende que a realização do Seminário Novos Gestores com os prefeitos eleitos e reeleitos da região Nordeste é uma chance significativa para a difusão de conhecimentos no seu Município. “É uma oportunidade ímpar participar desse seminário. Como gestora de primeiro mandato, estou tendo a oportunidade de obter conhecimentos de profissionais especializados em diversas áreas e seguir essas orientações na minha cidade”, destacou. 

A prefeita afirmou ainda que acompanhou a explicação de colaboradores de outras áreas técnicas da CNM. “Já recebi orientações do balcão de atendimento de Contabilidade. Também obtive informações nessa questão de como gerir bem e garantir mais recursos para o meu Município”, reforçou. 

O ciclo de seminários com os prefeitos eleitos e reeleitos encerra nesta sexta-feira, 11 de novembro. Ao longo de duas semanas, a CNM debateu com os vencedores das eleições municipais deste ano temas que devem nortear os desafios para o novo mandato.

Homem sofre tentativa de latrocínio na rodovia entre Acopiara e Deputado Irapuan Pinheiro

O plantão de polícia registrou por volta das 10h30min da manhã de hoje (12) uma tentativa de latrocínio na rodovia que liga Acopiara a Deputado Irapuan Pinheiro. A vítima foi Bugliy Alves dos Santos, 41 anos, morador do distrito de Luna. 

Ele seguia de motocicleta quando foi alvejado com dois disparos de arma de fogo sendo um no abdômen e o outro abaixo do peito esquerdo. Mesmo lesionado, o homem conseguiu ligar para a polícia que o socorreu juntamente com uma equipe do SAMU. 

Após os primeiros procedimentos no Hospital Geral Suzana Gurgel do Vale de Acopiara, a vítima foi transferida em estado grave para o Hospital Regional do Cariri. A polícia trabalha para identificar o motivo e autoria da tentativa de latrocínio.

ISSO É BRASIL! Sargento da Polícia Rodoviária é flagrado pegando dinheiro em carteira de caminhoneiro

Um policial do Batalhão de Polícia Rodoviária da Polícia Militar da Bahia foi filmado pegando dinheiro da carteira de um caminhoneiro na BA-093, na região do município de Entre Rios.

No vídeo o motorista prepara o dinheiro e comenta que a ação do policial identificado como sargento Admilson Barbosa. O PM se aproxima e pega a carteira com os documentos do condutor e do veículo e retira o dinheiro. Indignado, o caminhoneiro comenta que a ação do policial é corriqueira naquela região e que os motoristas já estão cansados da extorsão.

Em nota, o Comando Geral da Polícia Militar (DCS), informou o afastamento do policial até a conclusão da apuração.

Leia o que diz a nota: 

A denúncia de corrupção de um PM através de um vídeo amador chegou ao conhecimento do comando da Polícia Militar nesta quarta-feira (9), e o acusado foi imediatamente afastado das atividades operacionais, até que a apuração seja concluída. A Corporação rechaça qualquer tipo de conduta que não configura a missão de zelar pelo respeito ao cidadão.

Veja o vídeo:

Prefeito de Paraipaba volta ao cargo após afastamento pela Câmara

Após ser afastado pela Câmara Municipal da Cidade na noite desta quinta-feira, 10, o prefeito de Paraipaba votou ao cargo na tarde desta sexta por decisão liminar da Justiça. O afastamento de Carlos Henrique Azevedo (PDT) foi aprovado por 11 votos a um numa Sessão Extraordinária convocada no mesmo dia por suspeitas de irregularidades na gestão.

A liminar, assinada pelo juiz substituto Wyrllenson Flávio Barbosa Soares, da Vara Única da Comarca de Paraipaba, questiona validade da sessão da Casa que aprovou afastamento do prefeito, por ter sido convocada e ter acontecido na mesma data, sem dar chance de defesa a Carlos Henrique. 

A posse do vice-prefeito ainda foi marcada para a mesma data, de acordo com a decisão, mostrando que tudo acontecera às pressas. Após tomar posse, Rodolpho Pinto Paiva (PSD) renunciou ao cargo levando o presidente da Câmara Rinauro Henrique Moreira Azevedo (PTB) a assumir a função. 

Carlos Henrique afirma que foi "surpreendido" na manhã desta quinta com "conversas" de que os vereadores iriam afastá-lo. Ele acusa os parlamentares e o vice-prefeito de "tramarem" contra ele para que o presidente da Câmara, que é seu primo legítimo, assumisse o poder.

"O golpe do (presidente da República) Michel Temer (PMDB) aconteceu, mas nem todo golpe dá certo, disse. Tenso sido candidato este ano, Carlos Henriquenão conseguiu ser reeleito e disse que não quer mais pleitear cargo eletivo. "Vou terminar meu mandato dignamente e pronto". 

O advogado do prefeito, Damião Tenório, afirma que os vereadores tinham a intenção de se apropriar de um recurso federal que entraria nos cofres municipais nesta sexta. 

Já os vereadores acusavam o prefeito de omissão na prestação de contas, contratação de servidores no período eleitoral e "desmonte" após perder a disputa à reeleição. 

Além de determinar a reintegração imediata de Carlos Henrique, a liminar ainda exige que em até 48 horas "todos os documentos relacionados à abertura do procedimento contra o prefeito municipal" sejam encaminhados à Vara. 

A liminar não impede que novo processo de afastamento do prefeito seja aberto e ele possa ser afastado do cargo novamente.

Repatriação pode ajudar prefeituras a pagar 13º, diz Temer

O presidente Michel Temer divulgou um vídeo nas redes sociais, nesta sexta-feira (11), no qual fala sobre a utilização dos recursos arrecadados pela União e repassados aos municípios. Temer sugere, por exemplo, que as prefeituras paguem o 13º salário dos servidores públicos com esta receita. 

Só com a regularização de recursos mantidos no exterior, o governo arrecadou R$ 46,8 bilhões. 

No vídeo divulgado hoje, o presidente diz que o governo federal vai repassar uma verba que, "praticamente", vai cobrir as despesas" municipais. 

"Você sabe que, com a repatriação de capitais de dinheiro para o Brasil, o governo federal estará entregando a você, prefeito do seu município, uma verba que praticamente vai cobrir as suas despesas de final de ano", disse Temer aos prefeitos.

Comissão aconselha decretar estado de emergência em Fortaleza

A comissão Especial para Acompanhar e Monitorar o Andamento das Obras de Transposição do Rio São Francisco, reunida na tarde/noite de ontem na Assembleia Legislativa - diante da perspectiva da chegada das águas do Velho Chico apenas em agosto, por conta de problemas burocráticos/licitatórios - definiu, dentre outras ações, realizar uma marcha a Brasília, no próximo dia 23. 

O grupo decidiu procurar o prefeito Roberto Cláudio, assim como os demais gestores da Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), para sugerir que eles decretem imediatamente estado de emergência. 

Atualmente, 109 municípios são reconhecidos pelo Governo Federal como em estado de emergência. Mais 21 estão com pedido sendo analisado. Nenhum deles pertence à RMF. "Essa medida é essencial. Por conta das águas que estão sendo trazidas para cá e deixando em colapso a região do Jaguaribe. 

Esse quadro já mostra que estamos na prática em estado de emergência", aponta o deputado Carlos Matos, que presidiu a sessão. O prefeito de Jaguaribara, Francini Guedes, que sugeriu a ideia, destacou que tal medida é levada em consideração por órgãos fiscalizadores e nos tribunais.