Rádio Líder FM Online de Acopiara

terça-feira, 28 de março de 2017

Acopiara é palco de mais um assassinato

O plantão de polícia registrou há poucos instantes no sítio Tanque, zona rural de Acopiara, mais um mais um homicídio a bala. 

A vítima foi um homem identificado como Itamar. Ele seria filho do seu Mundinho, mototaxista. O crime teria sido cometido por um cunhado da vítima. A polícia está no local buscando mais detalhes. 

Aguarde mais informações!

Mais um assalto em Acopiara, dessa vez à um posto de combustiveis

A insegurança no município de Acopiara aumentou de forma assustadora nos últimos meses. Há poucos instantes mais um assalto a mão armada foi registrado num posto de combustível na vila Esperança. 

Um dos envolvidos neste crime foi preso em seguida e trata-se de um menor. a quantia levada não foi informada pela polícia que continua em diligência objetivando prender o segundo envolvido.

Radialista e blogueiro, Wélio Ferreira, filho de Acopiara, sofre infarto em deputado Irapuan Pinheiro (CE)

Familiares do radialista, blogueiro e assessor de imprensa da Prefeitura Municipal de Deputado Irapuan Pinheiro, Wélio Ferreira, informaram ao blog que o mesmo foi vítima de um infarto na manhã de hoje (28) e socorrido em estado grave para o Hospital Regional de Iguatu. 

Neste momento, os médicos daquele estabelecimento de saúde tentam transferir o paciente para Barbalha. Os familiares e amigos do irmão Wélio Ferreira oram neste momento por sua plena recuperação.

Enquanto as crianças estão morrendo e a população sofrendo, prefeitura de Acopiara paga para dizer que está tudo bem

Mais uma matéria paga com o dinheiro do povo, mostra a total incompetência por parte da administração de Acopiara. 

Enquanto temos crianças morrendo no hospital por falta de atendimento, enquanto a população chora a perda do seu ente querido, enquanto a cidade vive total abandono, o prefeito de Acopiara paga matéria em jornais com o dinheiro público, dizendo que está tudo as mil maravilhas.

Até quando o povo vai ter que passar por isso?

Criança de 10 anos morre sem ter problema detectado

Um menino de 10 anos, morador do sítio Cambitos, identificado como Ismael, filho do casal Alriberto e Mirian, morreu na madrugada de hoje (28) em sua residência vítima de problemas de saúde. 

Segundo informações enviadas ao blog, a criança adoeceu há cerca de trinta dias e semanalmente os pais o levavam a Unidade Básica de Saúde da vila Esperança, para ser atendido. 

Lamentavelmente, nunca foi pedido nenhum exame e a situação da criança só piorou. Os pais ainda tentaram viabilizar um atendimento melhor no Hospital Geral de Acopiara, porém não conseguiram. 

Sem saída, os pais levaram o garoto para uma consulta particular na tarde de ontem (27) e o médico solicitou vários exames, pena que o tempo não não foi suficiente para fazê-los. 

No programa Acopiara Urgente de hoje, a partir das 11h30min, na Rádio Líder Online, o radialista Lindomar Rodrigues vai falar sobre o assunto. 

A produção do jornalismo está tentando falar com o ex-prefeito Dr. Vilmar para falar sobre o assunto e o que pode ser feito para reduzir o número de crianças mortas por falta de assistência em Acopiara.

Mãe reclama da falta de médico no Hospital Geral

A jovem Mara Lima lamentou na sua conta de facebook a falta de médico no Hospital Geral de Acopiara. "Você chega no hospital com seu filho doente e nem na triagem passa! 8:00 nem médico tem!!! Não é questão de politicagem e sim questão de doença!!!"#triste", disse ela.

Caos na saúde de Acopiara: paciente fica em estado grave e o Hospital Geral não o transfere

Um homem de 38 anos identificado como Adalberto Guedes Neto, do distrito de Trussu, sofreu um acidente de motocicleta há dez dias, foi socorrido ao Hospital Geral e segundo informações foi abandonado. 

Sem melhorar, a saúde do rapaz ficou debilitada, inclusive correndo risco de morte. Amigos entraram em contato com a reportagem do blog para denunciar o caso objetivando sensibilizar o hospital para a necessidade de transferência do paciente.

Filho de Acopiara é executado à bala na cidade de Iguatu

Um homem identificado com Mário Cândido de Jesus, filho do seu Chico Cândido, morador do sítio Cotia, zona rural de Acopiara, foi morto na noite de ontem no bairro Areias, em Iguatu. 

Segundo informações ele foi alvejado com cinco disparos de arma de fogo e morreu no local. 

O crime teria sido cometido por dois elementos que estavam num carro placa não anotada. A dupla já foi identificada. Aguarde mais informações.

Aprovado projeto do deputado Agenor Neto que institui programa de cidadania nas escolas estaduais do Ceará

A Assembleia Legislativa aprovou, por unanimidade, projeto de lei de indicação de nº 69/2016, de autoria do deputado Agenor Neto (PMDB), que cria o Programa de Educação Política e para a Cidadania nas escolas estaduais cearenses, destinado aos estudantes regularmente matriculados nas escolas da rede estadual de ensino, a partir do 6º ano, e no ensino médio. 

O programa deverá abordar temas relacionados à política e à cidadania, em âmbito geral, a partir da ótica de diferentes conteúdos como história, sociologia, antropologia, filosofia, atualidades, Constituição Federal, dentre outros. 

De acordo com Agenor Neto, a proposta tem como objetivo fomentar a atuação nas decisões que afetam a vida da sociedade de maneira consciente e crítica, e desenvolver e educar cidadãos a par de seus direitos e deveres, para que a política tenha sua credibilidade ressaltada e possa se converter num instrumento para construção do bem comum, com a devida participação e representação popular. 

"Na verdade, são os jovens que vão decidir o futuro, então é muito importante que eles se envolvam com a política desde cedo, interagindo com temas como a democracia, o voto e as eleições", destacou o parlamentar.

Falta de assistência médica no Hospital Geral de Acopiara está virando caso de polícia

O caos instalado na saúde de Acopiara continua causando sérios prejuízos e irritação a população. 

Uma dona de casa que não quis ter o seu nome revelado enviou uma foto ao blog mostrando o grande número de pacientes que aguardava atendimento médico no Hospital Geral. Ela estava com o filhinho de apenas 11 meses, doente. 

Segundo a mulher, tinha apenas um médico de plantão e há tempos ele não é visto no hospital. A denunciante afirma ainda que tem gente agonizando por falta de assistência médica. 

"Senhor prefeito pedimos que coloque médicos no hospital, pois isso que está acontecendo é um verdadeiro descaso com a população, já estou aqui no hospital há 4 horas com um bebê e não fomos atendidos ainda, e não só eu mais tem gente que chegou aqui às 3 dá tarde, clamamos por saúde. Um só médico pra atender o pessoal o dia todo, e no momento ele não se encontra pra atender", disse a denunciante.